30 de janeiro de 2019

Nos Estados Unidos, receita publicitária de 2018 e valor de

comercial no Super Bowl batem recordes

Dois números que acabaram de ser divulgados mostram o vigor da publicidade norte-americanae de seu espaço comercial mais valioso


Valor médio de um comercial no Super Bowl atinge US$ 5,235 milhões

Se preferir, ouça essa notícia em nosso Podcast (duração: 01 minuto e 25 segundos)

Um detalhado estudo da Kantar Media revela que o valor médio de venda de um comercial no Super Bowl atingiu em 2018 seu recorde histórico, chegando a US$ 5,235 milhões, contra US$ 5,050 milhões no ano anterior. Da mesma forma, o valor da inserção avulsa em cada jogo da NFL durante a temporada atingiu o preço de US$ 625 mil em 2018, contra 550 em 2017. O número de venda média de um comercial de 30" na partida final é 97% superior ao da primeira década do século.

Entre os cinco maiores investidores no SuperBowl, a Anheuser-Busch InBev continuou a liderar em 2018, com US$ 42 milhões, o mesmo número que a Fiat Chrysler, que saiu da 4ª posição em 2017, quando a mega cervejaria havia liderado, com 35 milhões de dólares.

Vale destacar  que a Amazon.com entrou nessa lista de cinco maiores investidores, com US$ 26 milhões aplicados, enquanto a Deutsche Telekom, que estava em 2017 mas não entrou no ano passado, saiu.

Estes números e mais aqueles apresentados na nota seguinte
 indicam a vitalidade da publicidade clássica e da mídia televisão no maior mercado do mundo.
 

Clique aqui e leia o artigo/estudo - 10 minutos de leitura.

 

Publicidade dos EUA cresce 4,1% em 2018

 Se preferir, ouça essa notícia em nosso Podcast (duração: 01 minuto e 50 segundos) 

O investimento em publicidade tradicional nos Estados Unidos, ou seja, através de mensagens comerciais nos meios de comunicação, cresceu 4,1% em 2018, acompanhando a forte expansão do PIB nacional e atingiu seu recorde em todos os tempos: US$ 151.7 bilhões.

Os dados foram publicados pelo MediaPost, que empregou informações coletadas pela Kantar Media. A matéria, utilizando a mesma fonte, indicou que a P&G permaneceu sendo o maior anunciante daquele mercado, com 2.882 milhões de dólares investidos em 2018. Na lista dos 10 maiores anunciantes do ano passado, o maior crescimento foi da Amazom.com, que aumentou sua verba em 72,5%; e a maior redução entre os mega investidores foi da AT&T, que aplicou 6,1% a menos.

O setor de Varejo permanece sendo o maior investidor, com US$ 17.812 bilhões (5,4% a mais que em 2017). O segundo maior ainda é o Automobilístico, com US$ 14.280 bilhões, apesar de reduzir suas verbas em 3,3% (a única queda no grupo dos 10 maiores setores).

Entre os maiores crescimentos desse grupo, os destaques são as Organizações Políticas, com 93,1% (por conta das eleições de mid-term) e as Empresas de Mídia, com 27,3% de crescimento (sendo o destaque, neste caso, as mídias digitais).

 

Clique aqui e leia o artigo - 4 minutos de leitura.